Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto

Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto

Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto



Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto



Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto

Um homem suspeito de envolvimento no assasinato de um sargento da reserva da Polícia Militar, na cidade de Coaraci, no sul da Bahia, foi morto em confronto com policiais na manhã desta quarta-feira (16), no município. A informação é da Polícia Civil.
 
De acordo com a polícia, o confronto ocorreu após moradores da Rua São Paulo, no centro da cidade, acionarem os agentes depois de ver o suspeito traficando pela rua e andando com arma de fogo.
A polícia informou que foi recebida recebida a tiros pelo homem, identificado apenas pelo apelido “Pajé”. Houve revide, o suspeito foi baleado e morreu.
 

Sargento pediu a grupo que saísse do terreno dele e foi morto

 
Outras pessoas que teriam participado da morte do sargento Lúcio Soares dos Santos, 59 anos, são procuradas pela polícia.

Caso



O sargento da reserva da PM foi morto a tiros na sexta-feira (11), após pedir que um grupo com cerca de seis homens saísse da propriedade dele, uma pequena roça, na zona rural da cidade de Coaraci.
 
De acordo com informações da Polícia Militar, o grupo usava drogas no local e teria reagido a tiros ao pedido da vítima. O filho do sargento estava com ele, mas não foi baleado.
O sargento chegou a ser socorrido por vizinhos, que tentaram levá-lo para um hospital da região, em um carro, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu dentro do veículo.
 
Após a ação, um adolescente suspeito do crime foi apreendido. Já outros quatro comparsas dele conseguiram fugir.
 

Suspeito de envolvimento em assassinato de sargento em Coaraci morre em confronto com a polícia

 
 


Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*